MOURAO

  • MOURÃO
    (1438)
    Localização
    Localização Portugal
    Mourão
    Região Alentejo
    Sub-região do Alentejo Central
    Distrito de Évora

    Latitude: 38.383394; Longitude: -7.343734
    Altitude: 175 metros.

    Área 278,54 Km2
    Habitantes 2 663
    Clima Mediterrânico.
    Estradas N-256.1, N-385, M-517
    Habitação
    Médio Custo

    Casa Esquível Turismo Rural
    Rua Muralha, 16
    7240-241 Mourão
    Telef: (351) 266 560 200
    Fax: (351) 266 560

    Solar de São Bento Casa Rural
    Rua São Bento, 35
    7240-266 Mourão
    Telef: (351) 266586 798
    Fax: (351) 266 586 433

    Onde Comer

    O Pátio da Oliveira
    Praça da República 17
    7240-233 Mourão
    Telef: (351) 266 586 282

    Restaurante Adega Velha
    Rua Joaquim José Vasconcelos Gusmão
    7240 Mourão
    Telef: (351) 266 586 443

    Especialidades Gastronómicas
    Açorda de cação, açorda de beldroegas, ensopado de borrego, cozido de grão.
    Detalhes
    Atendendo à sua proximidade ao rio Guadiana Mourão teve uma presença humana permanente desde a pré-história, revelada por restos de cerâmicas, em manifestações de arte rupestre e em monumentos megalíticos. Os romanos marcaram mais acentuadamente a sua presença no Castelo da Lousa localizado cerca da ex-Aldeia da Luz, hoje submerso pela albufeira do Alqueva.
    Desde a época romana até à idade medieval Mourão terá sido, eventualmente, a povoação denominada de Vila Velha.
    Em 1226 o Prior da Ordem do Hospital concedeu a Mourão um foral, confirmando-o D. Dinis em 27 de janeiro de 1226.
    Em 1298 D. Dinis reconheceu, em Salamanca, como Senhora da localidade D. Teresa Gil, passando Mourão após a sua morte, para a posse da Coroa portuguesa. Concedeu, depois, a um fidalgo espanhol. D. Raimundo de Cardona, o privilégio de poder comprar Mourão. O fidalgo pediu dinheiro emprestado a um judeu, e como lhe foi impossível respeitar os seus compromissos, a vila foi leiloada no Alpendre de Nossa Senhora do Tojal e adquirida por um mercador de Monsaraz por 11.000 libras.
    Por incompatibilidade devido ao seu extrato social, o rei exigiu a devolução de Mourão pelo mesmo preço, entregando-a depois a D. Raimundo e a seu filho Guilherme de Cardona.
    Mourão aderiu à causa do Mestre de Avis quando da crise de 1383 a 1385 e, muito mais tarde, juntou-se, através de Pedro de Mendonça Furtado, à causa da Casa de Bragança e aos conspiradores cuja ação levou ao 1 de dezembro de 1640.
    Após a Restauração Mourão foi atacada por diversas vezes e, devido à debilidade das suas defesas resistiu apenas seis dias aos ataques repetidos do Duque de S. German.
    A vila foi reconquistada para a coroa portuguesa por Joane Mendes de Vasconcelos em 29 de outubro de 1657.
    Mourão sofreu os efeitos do Terramoto de 1755.
    No século XIX Mourão foi anexada ao Concelho de Reguengos de Monsaraz, tendo retomado a categoria de Concelho em 24 de outubro de 1853.
    Atualmente Mourão encontra-se praticamente rodeada pelas águas da Albufeira do Alqueva, fato que lhe melhora as capacidades agrícolas e turísticas.

    Câmara Municipal de Mourão
    Telef: (351) 266 560 010
    gap@cm-mourao.pt

    Locais a Visitar
    Castelo, Igreja de São Francisco/Capela da Venerável Ordem Terceira de São Francisco, Passos do Senhor, Ermida de Nossa Senhora dos Remédios, Torre do Relógio da Granja, Igreja da Misericórdia de Mourão, Albufeira do Alqueva, Aldeia Nova da Luz.
    Festas
    20 de janeiro Festa de S. Sebastião
    2 de fevereiro Festas de Nossa Senhora das Candeias
    Segunda-feira de Páscoa Romaria de São Pedro
    Fotos

    (1439)


    (1440)


    (1442)


    (1443)


    (1444)


    (1445)


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.